Voltar

{{ placa }} {{ renavam }}

Esse estado não parece certo
Comece com a primeira letra e escolha uma opção

Entenda tudo sobre a vistoria veicular para transferência

Ao por um veículo usado para venda, é necessário fazer a vistoria veicular para confirmar que o automóvel está em boas condições e dentro das normas estipuladas pelos órgãos responsáveis pelas leis de trânsito.

A vistoria é feita pelo Departamento Estadual de Trânsito (Detran) da cidade em que o veículo está registrado e por Empresas Credenciadas de Vistoria (ECV). Apesar de cada estado ser responsável pela vistoria, é seguido um critério nacional.

A vistoria para transferência é obrigatória quando há a venda e compra de um carro usado. Sem a vistoria não é possível emitir um novo Certificado de Registro e Licenciamento do Veículo (CRLV) com os dados do novo proprietário, o que é considerado uma infração gravíssima, de acordo com o Art. 230 do Código de Trânsito Brasileiro.

Vistoria Veicular: assista antes de fazer a transferência!

Vai transferir seu carro? Então você precisa fazer uma vistoria veicular. Descubra o quanto custa, o que é verificado e quanto tempo vale o laudo de transferência.

Continue lendo este artigo para saber mais sobre vistoria veicular ou use o menu abaixo!


O que é vistoria veicular?

A vistoria é um processo obrigatório em algumas situações. Um dos motivos mais comuns para a realização da vistoria é a transferência de propriedade do veículo.

É possível através desse procedimento saber se as características do automóvel são originais de fábrica, se os equipamentos obrigatórios estão em boas condições e se o veículo atende todas as normas de trânsito.

Com a vistoria, veículos que estão fora do padrão estipulado pelos órgãos de trânsito ficam impedidos de circular nas vias públicas brasileiras. Essa verificação também dá mais segurança para quem deseja comprar um carro usado, pois é possível saber se o veículo é roubado ou clonado.

vistoria veicular DOK Despachante, ilustração de um carro com documentos

Quais são os documentos para vistoria veicular?

Para poder realizar a vistoria, não é necessário que o proprietário do veículo o leve até o local, porém é preciso apresentar os seguintes documentos:

  • Certificado de Registro do Veículo (CRV);
  • Certificado de Registro e Licenciamento do Veículo (CRLV);
  • Carteira Nacional de Habilitação (CNH) do condutor;
  • CPF ou RG do solicitante.

Também é necessário que todos os débitos do veículo estejam quitados. Com o DOK Despachante você consegue fazer sua consulta on-line e gratuita, caso conste multas, é possível quitá-las em até 12 vezes com até 6 diferentes cartões de crédito. Clique no botão abaixo e saiba mais!

Quanto custa uma vistoria veicular?

Como todos os serviços oferecidos pelo Detran, este também não é padronizado na questão de valor. Nesse caso, por ser um serviço que também pode ser feito por empresas credenciadas, o preço sofre mais alterações ainda.

Há também a possibilidade da vistoria ser feita em domicílio, o que gera mais alteração no valor.

Em São Paulo, esse valor pode variar de R$ 100,00 a R$ 180,00, dependendo do tipo de vistoria solicitado e do local escolhido para fazer o serviço.

O que é verificado na vistoria veicular?

No primeiro momento, é analisado a documentação do veículo, como o Certificado de Registro do Veículo e o Certificado de Registro e Licenciamento do Veículo, pois sem eles é impossível fazer a transferência.

Em seguida é verificado se o veículo possui débitos a serem quitados, como multas; impostos, como o Imposto sobre Propriedade de Veículos Automotores (IPVA); entre outros.

Sendo aprovado na etapa dos documentos, será analisado o funcionamento e conservação dos itens obrigatórios do veículo, como chave de roda, triângulo, buzina, velocímetro, retrovisores, cinto de segurança e extintor de incêndio.

Quais são os tipos de vistoria veicular?

Existem diferentes tipos de vistorias que variam de acordo com a necessidade e objetivo do proprietário do veículo. Nos tópicos a seguir falaremos mais detalhadamente sobre cada uma delas. Continue a leitura para saber qual se enquadra melhor na sua necessidade.

vistoria veicular DOK Despachante, ilustração de um carro com uma lupa

Vistoria veicular prévia

Essa vistoria é feita quando um seguro é contratado. Serve para que a seguradora avalie as condições do veículo para validar os dados que constam na apólice, atestando que o automóvel está apto para circular.

A vistoria prévia também deve ser feita quando ocorre a renovação de seguro e troca de seguradora.

Vistoria cautelar ou de procedência

Feita quando um veículo é posto à venda, seja pelo proprietário ou por uma concessionária, essa vistoria serve para avaliar o estado geral do veículo utilizando critérios como nível de conservação e originalidade das peças.

Nesta vistoria também são verificados problemas no chassi e no motor do veículo, uma forma de saber se o automóvel já foi roubado ou clonado. Também é consultado o histórico do veículo na base de dados do Detran.

Vistoria para transferência de veículo

Essa vistoria ocorre quando há transferência de documento, seja por troca de proprietário ou por mudança de cidade. O veículo é avaliado para identificar adulterações e fraudes que não foram legalizadas, deixando-o irregular para circular nas vias públicas do Brasil.

A vistoria para transferência é obrigatória sempre que houver uma compra de veículo, a principal função dessa vistoria é comprovar que o veículo está em condições de circular, dando mais segurança ao novo proprietário.

Aqui no DOK Despachante é possível fazer a transferência do veículo de forma confiável, rápida e on-line. Confira como clicando no botão abaixo:

Qual a diferença entre vistoria
veicular e inspeção?

A vistoria se limita a algo mais visual, sem fazer uso de aparelhos calibrados de medição. Com a vistoria, é avaliada a condição e manutenção do veículo e suas peças.

Já a inspeção é feita por um engenheiro ou técnico habilitado com registro no Conselho Regional de Engenharia e Arquitetura (CREA). Com a inspeção é avaliada a condição do veículo.

O procedimento da inspeção é feito com base nas normas do Conselho Nacional de Trânsito (CONTRAN) e do Conselho Nacional do Meio Ambiente (CONAMA), por isso são utilizados instrumentos de medição calibrados, que avaliam se os resultados estão dentro dos parâmetros definidos por lei.

A inspeção é necessária quando o proprietário do veículo deseja trocar o motor do automóvel ou instalar Gás Natural Veicular. O Inmetro (Instituto Nacional de Metrologia, Qualidade e Tecnologia) é o responsável por regulamentar esse processo.

vistoria veicular DOK Despachante, ilustração de uma casa

Para que serve o laudo de vistoria veicular?

No laudo da vistoria estão todas as informações do documento do veículo e todos os dados cadastros no Departamento Estadual de Trânsito, consta também no laudo o estado de conservação de todos os itens obrigatórios do veículo, além de número de chassi e motor, comprovando a procedência do automóvel.

Resumindo, o laudo comprova que o veículo está dentro de todas as normas e apto para circular pelas vias públicas de todo o território nacional.

Quem paga o laudo de vistoria veicular em caso de venda?

Caso o veículo seja adquirido através de uma concessionária é direito do cliente receber o automóvel com todas as vistorias já realizadas. Em casos que o veículo é vendido diretamente pelo proprietário, o vendedor e o comprador podem entrar em um acordo.

Uma opção é o comprador pagar pela vistoria e ter esse valor retirado do preço do veículo.

Fora o proprietário, outra pessoa pode fazer a
vistoria do veículo junto da empresa responsável?

Para fazer a vistoria não é obrigatória a presença do proprietário do veículo, qualquer pessoa que tenha Carteira Nacional de Habilitação pode levar o automóvel para a vistoria.

Porém, é necessário levar os documentos do veículo, apresentar a CNH e o RG do solicitante.

Como fazer a vistoria de moto?

A vistoria de motocicleta é uma exigência do processo de transferência

O processo para fazer a vistoria de moto é a mesma que de carro. Podendo ser feita tanto no Detran como em Empresas Credenciadas de Vistorias.

Com a vistoria o proprietário recebe o laudo de vistoria, documento que contém fotografias do veículo e informações oficiais sobre o histórico da moto.

O que reprova na vistoria de moto?

Na vistoria de moto, são avaliados o sistema de iluminação, como luz alta; baixa; setas; pisca alerta; luzes de freios; condição dos pneus e numeração do chassi para pesquisa em banco de dados sobre a condição legal do automotor.

Assim como no caso dos carros, a moto também precisa estar com todos os débitos quitados.

vistoria veicular DOK Despachante, ilustração de uma moto

Onde fazer a vistoria veicular?

Até poucos anos atrás a vistoria só podia ser feita pelo Detran do estado de registro do automóvel, e para isso, era necessário ir até a sede estadual e dar entrada na documentação para o veículo passar pela avaliação.

Agora é possível fazer a vistoria nas Empresas Credenciadas de Vistorias (ECV), essas empresas são autorizadas pelo Detran a fazerem a avaliação dos veículos.

Órgão responsável pela vistoria veicular

O órgão responsável pela vistoria veicular é o Departamento Estadual de Trânsito (Detran). O Detran de cada estado é responsável pela vistoria dos veículos registrados nele.

A vistoria de um veículo só pode ser feita no Detran de registro do veículo, se um automóvel registrado em São Paulo fizer a vistoria no Rio de Janeiro, o laudo não será válido.

Empresas de vistoria veicular

Empresa de vistoria veicular, ou empresa credenciada de vistoria (ECV) são empresas privadas credenciadas e autorizadas pelo Detran para realizar a vistoria veicular.

O processo de avaliação foi implantado e autorizado pelo Conselho Nacional de Trânsito (Contran) e segue a legislação federal.


Procurando outras informações?

Transferência

Saiba mais

Licenciamento

Saiba mais

IPVA

Saiba mais
Consulte sua Transferência Veicular

Perguntas

Aqui estão as respostas para algumas dúvidas frequentes.

Tire todas as dúvidas

Onde fazer vistoria veicular?

A vistoria pode ser feita no Detran do estado de registro do veículo ou em alguma Empresa Cadastrada de Vistorias (ECV).

Quando preciso fazer vistoria de carro?

A vistoria de carro deve ser feita quando houver transferência de propriedade ou localidade, quando o motor for trocado ou for instalado o gás natural veicular (GNV).

Vistoria veicular preço

O preço da vistoria veicular pode sofrer alterações de um ano para o outro e de um estado para outro. Em São Paulo o preço varia entre R$ 100,00 e R$ 180,00.

Como fazer a vistoria veicular SP?

Para fazer a vistoria em São Paulo é preciso entrar no portal online do Detran SP para verificar qual é a ECV mais perto do solicitante e agendar a vistoria.

Tire todas as dúvidas

Aguarde, consultando seu documento =)