O que você precisa saber sobre a vistoria de veículos para 2020? Veja aqui!

vistoria de veículos para 2020

Para adquirir ou vender qualquer veículo, a vistoria veicular é extremamente necessária. Mais do que necessária, ela é obrigatória de acordo com o Código de Trânsito Brasileiro (CTB). Carros seminovos e/ou usados exigem alteração na documentação e você precisa saber como a vistoria para 2020 funcionará.

Essa vistoria tem o objetivo de avaliar toda a documentação do veículo, além da checagem das características originais do automóvel analisado. A partir dessa avaliação, é emitido um laudo veicular onde consta tudo aquilo que foi verificado.

Agora, como seria feita essa vistoria? Quando ela realmente é necessária? Qual a diferença entre vistoria e inspeção? Quais os documentos necessários para completar todo o procedimento? Hoje, falaremos sobre todos esses assuntos para que você esteja ciente de informações relevantes sobre o tema. Aproveite!

Como é feito a vistoria veicular?

A vistoria tem o propósito de avaliar os veículos que circulam em território brasileiro sobre a responsabilidade dos estados (exercida pelo Detran de cada estado). Ela serve para atestar se há boas condições de conservação e manutenção do veículo e é obrigatória. Sua função é assegurar:

  • A propriedade do veículo é legítima perante a lei;
  • A documentação dele é autêntica e está de acordo com a legislação vigente;
  • O carro apresenta condições seguras para uso.

Para atestar todos esses critérios, alguns itens precisam ser devidamente avaliados. Sobre a documentação veicular, é verificado o Certificado de Registro de Veículos (CRV) e o Certificado de Registro e Licenciamento de Veículos (CRLV).

Todas as taxas referentes a documentação (seguro obrigatório, licenciamento e IPVA) precisam estar quitadas. Caso tenha alguma multa, é necessário que haja o pagamento antes que o serviço da vistoria seja feito.

Após constatar toda a documentação, é momento de entrar com o processo de vistoria e averiguar os itens obrigatórios. Todos esses itens precisam apresentar um bom funcionamento para serem aprovados. Entre esses itens, estão:

  • Chave de roda;
  • Triângulo;
  • Quebra sol;
  • Buzina;
  • Velocímetro;
  • Retrovisores;
  • Cinto de segurança;
  • Extintor de incêndio.

Quando a vistoria é necessária?

A vistoria é obrigatória em situações de transferência e regularização de veículos, também como no licenciamento daqueles que tem mais de 5 anos de fabricação. A vistoria evita que automóveis que não estejam em boas condições circulem livremente pelo trânsito das cidades brasileiras. Além disso, veículos alterados da sua formação original também são reprovados nas vistorias.

IPVA atrasado

Quando há mudanças na formação original, poderá haver diversos tipos de fraudes envolvendo sinistros de seguros automotivos. A vistoria visa acabar com esses tipos de golpes e fazer com que os automóveis estejam de acordos com as normas vigentes do Detran.

A diferença entre vistoria e inspeção veicular

A maioria das pessoas acreditam que vistoria e inspeção sejam a mesma coisa. A grande diferença entre as duas é o método usado para a avaliação do veículo.

Enquanto que a vistoria é feita por meio de uma avaliação visual sem a utilização de equipamentos calibrados para testes, a inspeção tem justamente o intuito de medir a capacidade de cada item do veículo avaliado.

A inspeção é feita por um profissional credenciado pelo CREA (Conselho Regional de Engenharia e Arquitetura), para entender o atual desempenho de cada item obrigatório do automóvel.

Além disso, a inspeção tem o objetivo de avaliar também a estrutura do veículo e as condições de rodagem, avaliando até mesmo motor, chassi e carroceria. Os testes são feitos com instrumentos totalmente calibrados para saber se todos esses itens estão de acordo com as leis vigentes.

A inspeção também só tem obrigatoriedade em algumas situações. Geralmente é feita em veículos de carga ou quando existe a suspeita da alteração de um ou mais itens abaixo como:

·       Mudança de motor;

·       Mudança de rota.

A inspeção precisa ser feita também quando há a necessidade de implementação do kit gás — Gás Natural Veicular (GNV).

Os órgãos responsáveis pela inspeção são o CONTRAN (Conselho Nacional de Trânsito) e o CONAMA (Conselho Nacional do Meio Ambiente). No entanto, o INMETRO é o responsável pela regulamentação do processo de inspeção.

Quais os documentos necessários para completar o procedimento?

Para a realização da vistoria o motorista precisará apresentar os seguintes documentos:

·       A habilitação do condutor;

IPVA atrasado? Parcele em até 12 vezes com 6 cartões diferentes.

·       A carteira de identidade do solicitante;

·       O Certificado de Registro e Licenciamento do Veículo (CRLV), de uso obrigatório para circulação;

·       E o Certificado de Registro de Veículo (CRV), necessário para a transferência.

Além desses documentos, caso seja necessária uma vistoria para realizar algum tipo de seguro, é importante apresentar os dados da seguradora, do corretor e os documentos de contratação, incluindo a proposta.

Para fecharmos o assunto, o DETRAN de cada estado é o responsável por todo o processo de vistoria veicular. Ele também tem autoridade para designar para algumas empresas a responsabilidade de realizar o processo de vistoria. Elas são conhecidas como Empresas Credenciadas de Vistorias (ECV) e estão autorizadas a avaliar o carro. Essas parcerias têm como objetivo da maior agilidade a todo o processo.

Deste modo, acreditamos que existem várias informações importantes sobre o processo de vistoria veicular. Entendendo exatamente qual é o objetivo do processo e de que maneira ele é realizado, podemos concluir que toda e qualquer informação é extremamente relevante para o condutor.

A documentação necessária e os itens obrigatórios avaliados precisam estar de acordo as normas vigentes. Uma reprovação na vistoria, poderia levar a grandes imprevistos, com uma margem considerável de custos elevados.

Para estar de acordo com as normas contidas dentro do CTB, recomendamos que você procure o DOK despachante. O DOK é capaz de proporcionar um atendimento rápido e eficiente, colocando todos os documentos e pendências em dia para que você possa ser aprovado na vistoria veicular. Isso tudo atrelado a um atendimento assertivo através da internet, sem precisar sair do conforto da sua casa.

Afinal, um atendimento humanizado capaz de entender as nossas reais necessidades é bem difícil de se encontrar atualmente no mercado. Portanto, não perca mais tempo e entre em contato com o DOK despachante para não passar por situações constrangedoras durante a vistoria. 

Posts relacionados