Tudo sobre a importância das placas de trânsito e seus significados

Por: Gregory Packs

Publicado em 23 de maio de 2023 | Atualizado em 05 de março de 2024

Capa sobre placas de trânsito | DOK Despachante

Salve, Motorista! As placas de trânsito são diversas e entender o significado de cada uma pode ser difícil, porém, é indispensável para poder dirigir com segurança. 

As placas de trânsito são avisos e regras para que todo motorista possa dirigir com maior segurança e se orientar sobre sua localização e os comportamentos obrigatórios em determinados locais. 

Se você ainda se confunde diante das placas ou está no processo de obtenção da primeira habilitação, este artigo irá ajudá-lo com as principais informações sobre os significados e diferenças entre as placas de trânsito. 

O que são e para que servem as placas de trânsito? 

As placas de trânsito são, geralmente, chapas metálicas distribuídas nas vias, calçadas e rodovias, com símbolos e mensagens padronizadas estabelecidos pelo Contran na Resolução Nº 160/2004. 

Quer manter seu veículo em dia?

Elas servem como orientação para todos os motoristas, indicando onde estacionar, o limite de velocidade, o sentido de circulação e a instrução de percurso, por exemplo. Assim, as placas ajudam a manter o trânsito fluindo de maneira organizada. 

É dever de todo condutor saber diferenciar os modelos de placas de trânsito para entender as regras de direção e evitar infrações que podem colocar em risco a própria integridade e a segurança do trânsito

Mas, diante de tantas sinalizações, cores e símbolos, pode ser um pouco confuso, principalmente para os novos motoristas, diferenciar os significados entre elas. 

Para ficar mais fácil, o primeiro passo é entender sobre a classificação das placas de sinalização, suas cores e formatos. A partir disso, é possível saber do que se tratam sem precisar memorizar todas elas. 

Mantenha seu veículo em dia!

Continue sua leitura para saber mais sobre as classificações e significados de cada placa de trânsito. 

Significados das placas de trânsito 

As placas são divididas em categorias, com cores e formatos diferentes que indicam a ação que o motorista deve ter ao fazer determinado percurso. Veja os exemplos: 

  • Placas de trânsito vermelhas: são as conhecidas placas de regulamentação, que contêm mensagens imperativas sobre condições, proibições e obrigações sobre o uso das vias.
  • Placas de trânsito amarelas: têm função de advertência e alerta, indicando possíveis condições adversas ao dirigir, que podem ser perigosas ao motorista.
  • Placas de indicação (branca, verde e azul): identificam as vias e orientam percursos e destinos, com mensagens que servem para informar e educar. Geralmente, ficam suspensas sobre a via, fixadas nas passarelas, viadutos e túneis para melhor visualização.
  • Placas de trânsito educativas: são sempre de cor branca, com mensagens que reforçam o bom comportamento e dão orientações ao motorista;
  • Placas de atrativos turísticos: são placas de cor marrom ou branca que indicam pontos de referência e acesso a paradas e rotas turísticas da região.
  • Placas laranja: são placas temporárias para sinalizar obras na pista, pista fechada ou rua sem saída.

Em todas as categorias existem placas com informações complementares, que apresentarão um formato diferente e informações mais específicas, como veremos adiante. 

Existe diferença entre placa de trânsito e sinalização?

As placas de trânsito também fazem parte da sinalização de trânsito, e esse conceito pode ser um pouco confuso. 

Mantenha seu veículo em dia!

Para entender melhor, é importante ressaltar que, quando utilizamos o termo “placa”, nos referimos à estrutura e às características gerais das placas de trânsito, que são feitas de metal e possuem formatos diferentes conforme sua classificação. 

A sinalização é o conjunto de informações contidas nas placas de trânsito, que também são chamadas de sinalização vertical. 

Além disso, o termo “sinalização de trânsito” abrange outros sinais além das placas, como as sinalizações horizontais (linhas de divisão das vias), semáforos, gestos de agentes de trânsito e condutores e etc. 

Quantos tipos de placas de trânsito existem?

Como vimos anteriormente, existem formatos e cores que classificam as diferenças sobre a importância das mensagens e orientações contidas nas placas de trânsito. 

Mantenha seu veículo em dia!

Essa classificação é dividida em sete tipos de placas diferentes, conforme explicamos a seguir. 

Placas de regulamentação

São placas redondas com borda vermelha, com exceção das placas “Parada Obrigatória” e “Dê a Preferência”, que fogem à regra de formato. Desrespeitar as placas de regulamentação gera infrações de leves a graves, conforme previsto no CTB. 

Infográfico das placas de regulamentação de trânsito | DOK Despachante
Infográfico feito por Bruna Florentino de Almeida | DOK
Nomes das placas de regulamentação
R-1 – Parada obrigatóriaR-2 – Dê a preferênciaR-3 – Sentido proibidoR-4a – Proibido virar à esquerda
R-4b – Proibido virar à direitaR-5a – Proibido retornar à esquerdaR-5b – Proibido retornar à direitaR-6a – Proibido estacionar
R-6b – Estacionamento regulamentadoR-6c – Proibido parar e estacionarR-7 – Proibido ultrapassarR-8a – Proibido mudar de faixa ou pista de trânsito da esquerda para a direita
R-8b – Proibido mudar de faixa ou pista de trânsito da direita para a esquerda R-9 – Proibido trânsito de caminhões R-10 – Proibido trânsito de veículos automotores R-11 – Proibido trânsito de veículos de tração animal 
R-12 – Proibido trânsito de bicicletasR-13 – Proibido trânsito de tratores e máquinas de obrasR-14 – Peso bruto total máximo permitidoR-15 – Altura máxima permitida
R-16 – Largura máxima permitidaR-17 – Peso máximo permitido por eixoR-18 – Comprimento máximo permitidoR-19Velocidade máxima permitida
R-20Proibido acionar buzina ou sinal sonoroR-21 – AlfândegaR-22 – Uso obrigatório de correnteR-23 – Conserve-se à direita
R-24a – Sentido de circulação da via/pistaR-24b – Passagem obrigatóriaR-25a – Vire à esquerda R-25b – Vire à direita
R-25c – Siga em frente ou à esquerdaR-25d – Siga em frente ou à direitaR-26 – Siga em frenteR-27 – Ônibus, caminhões e veículos de grande porte, mantenham-se à direita
R-28 – Duplo sentido de circulação R-29 – Proibido trânsito de pedestres R-30 – Pedestre, ande pela esquerda R-31 – Pedestre, ande pela direita 
R-32 – Circulação exclusiva de ônibusR-33 – Sentido de circulação na rotatóriaR-34 – Circulação exclusiva de bicicletasR-35a – Ciclista, transite à esquerda
R-35b – Ciclista, transite à direitaR-36a – Ciclistas à esquerda, pedestres à direitaR-36b – Pedestres à esquerda, ciclistas à direitaR-36c – Circulação compartilhada de ciclistas e pedestres
R-37 – Proibido trânsito de motocicletas, motonetas e ciclomotoresR-38 – Proibido o trânsito de ônibusR-39 – Circulação exclusiva de caminhãoR-40 – Trânsito proibido a carros de mão 

Se for necessário acrescentar informações de regulamentação, são incorporados avisos às placas principais, ou mesmo placas complementares, formando um único conjunto: 

Vetor das placas de regulamentação com informações complementares | DOK Despachante
Vetor feito por Bruna Florentino de Almeida | DOK

Placas de advertência de trânsito

As placas de advertência servem como um alerta de condições perigosas na via. Suas principais características são a cor amarela e o formato em losango. 

Mantenha seu veículo em dia!
Infográfico das placas de advertência | DOK Despachante
Infográfico feito por Bruna Florentino de Almeida | DOK

Nomes das placas de advertência
A-1a – Curva acentuada à esquerdaA-1b – Curva acentuada à direita A-2a – Curva à esquerda
A-2b – Curva à direitaA-3a – Pista sinuosa à esquerdaA-3b – Pista sinuosa à direita
A-4a – Curva acentuada em “S” à esquerdaA-4b – Curva acentuada em “S” à direitaA-5a – Curva em “S” à esquerda
A-5b – Curva em “S” à direitaA-6 – Cruzamento de viasA-7a – Via lateral à esquerda
A-7b – Via lateral à direitaA-8 – Intersecção em “T”A-9 – Bifurcação em “Y”
A-10a – Entroncamento oblíquo à esquerdaA-10b – Entroncamento oblíquo à direitaA-11a – Junções sucessivas contrárias – primeira à esquerda
A-11b – Junções sucessivas contrárias – primeira à direitaA-12 – Intersecção em círculoA-13a – Confluência à esquerda
A-13b – Confluência à direitaA-14 – Semáforo à frenteA-15 – Parada obrigatória à frente
A-16 – BondeA-17 – Pista IrregularA-18 – Saliência ou lombada
A-19 – DepressãoA-20a – Declive acentuadoA-20b – Aclive acentuado
A-21a – Estreitamento de pista ao centroA-21b – Estreitamento de pista à esquerdaA-21c – Estreitamento de pista à direita
A-21d – Alargamento da pista à esquerdaA-21e – Alargamento da pista à direitaA-22 – Ponte estreita
A-23 – Ponte móvelA-24 – ObrasA-25 – Mão dupla adiante
A-26a – Sentido únicoA-26b – Sentido duploA-27 – Área com desmoronamento
A-28 – Pista escorregadiaA-29 – Projeção de cascalhoA-30a – Trânsito de ciclistas
A-30b – Passagem sinalizada de ciclistasA-30c – Trânsito compartilhado por ciclistas e pedestresA-31 – Trânsito de tratores ou maquinário agrícola
A-32a – Trânsito de pedestresA-32b – Passagem sinalizada de pedestresA-33a – Área escolar
A-33b – Passagem sinalizada de escolaresA-34 – CriançasA-35 – Animais
A-36 – Animais selvagensA-37 – Altura limitadaA-38 – Largura limitada
A-39 – Passagem de nível sem barreiraA-40 – Passagem de nível com barreiraA-41 – Cruz de Santo André
A-42a – Início de pista duplaA-42b – Fim de pista duplaA-42c – Pista dividida
A-43 – AeroportoA-44 – Vento lateralA-45 – Rua sem saída
A-46 – Peso bruto total limitadoA-47 – Peso limitado por eixoA-48 – Comprimento limitado

Placas de advertência com informações complementares:

Vetor das placas de advertência com informações complementares | DOK Despachante
Vetor feito por Bruna Florentino de Almeida | DOK

Placas de indicação

As placas de indicação de trânsito ajudam o motorista a saber sua localização, e também para onde deseja ir, indicando a distância necessária a ser percorrida até chegar ao destino. 

Elas também informam os limites entre municípios e identificam rodovias panamericanas, federais e estaduais. 

Vetor sobre placas de indicação de trânsito | DOK Despachante
Vetor feito por Bruna Florentino de Almeida | DOK

Infográfico – imagem das placas 

Mantenha seu veículo em dia!
Nomes das placas de identificação
1. De municípios2. Regiões de interesse de tráfego3. Pontes, viadutos, túneis e passarelas4. Placa de pedágio
5. Quilométrica6. Limite de municípios, divisa de estados, fronteira e perímetro urbano7. Placa indicativa de sentido8. Placa indicativa de distância
9. Placa diagramada10. Rodovias e estradas panamericanas11. Rodovias e estradas federais12. Rodovias e estradas estaduais

Placas educativas de trânsito

São placas de trânsito brancas que dão orientações e reforçam os cuidados que o motorista deve ter em relação ao seu comportamento, incentivando a praticar a direção defensiva

Vetor das placas educativas de trânsito | DOK Despachante
Vetor feito por Bruna Florentino de Almeida | DOK

Placas de serviços auxiliares

São as conhecidas placas de trânsito azuis, que indicam serviços de apoio que o condutor pode utilizar ao longo da via, bem como a distância a ser percorrida até o local do serviço prestado.

Infográfico das placas de serviços auxiliares | DOK Despachante
Infográfico feito por Bruna Florentino de Almeida | DOK
Nomes das placas de serviços auxiliares
SAU-01 – Área de estacionamentoSAU-02 – Informações turísticasSAU-03 – Câmbio
SAU-04 – CorreioSAU-05 – Rua 24 horasSAU-06 – Serviço telefônico
SAU-07 – Serviço mecânicoSAU-08 – BorrachariaSAU-09 – Abastecimento
SAU-10 – Pronto socorroSAU-11 – Serviço sanitárioSAU-12 – Restaurante
SAU-13 – HotelSAU-14 – Área de campismoSAU-15 – Estacionamento de trailer
SAU-16 – BanhoSAU-17 – CemitérioSAU-18 – Pedágio
SAU-19 – Terminal rodoviárioSAU-20 – Terminal ferroviário e metroviárioSAU-21 – Aeroporto
SAU-22 – HeliportoSAU-23 – PortoSAU-24 – Transporte sobre água
SAU-25 – Terminal aquaviárioSAU-26 – Ponto de paradaSAU-27 – Cobrança automática
SAU-28 – Fiscalização eletrônicaSAU-29 – Via monitorada

Placas de atrativos turísticos

As placas de atrativos turísticos indicam ao condutor as áreas culturais, locais para prática de esportes e recreação, áreas naturais, entre outros. 

São alguns exemplos: 

Quer manter seu veículo em dia?
Vetor sobre placas de atrativos turísticos | DOK Despachante
Vetor feito por Bruna Florentino de almeida | DOK

Placas de sinalização de obras

Como dito anteriormente, as placas de sinalização de obras são temporárias e servem para informar sobre obras na pista. Elas são muito parecidas com as placas de advertência, com a mudança de cor para laranja.  

Vetor das placas de sinalização de obras | DOK Despachante
Vetor feito por Bruna Florentino de Almeida | DOK

Saiba mais sobre o trânsito

Ei, Motorista! Se você chegou até aqui, achamos que também vai precisar saber disso. Confira: 


O que diz o CTB sobre as placas de trânsito? 

O Código de Trânsito Brasileiro utiliza normas para padronizar a sinalização em todo o país, e é de responsabilidade do SENATRAN fazer a manutenção e fiscalização para que as placas de trânsito sejam legíveis e claras aos motoristas. 

Isso quer dizer que o condutor não será multado caso a sinalização esteja prejudicada, por exemplo, na circunstância de placas escondidas atrás de árvores e arbustos. 

Mantenha seu veículo em dia!

Se for comprovado também que a falta da placa de trânsito ou sua visibilidade prejudicada causou algum dano, o motorista pode inclusive ser indenizado pelo órgão responsável pela sinalização. 

Por outro lado, existe a responsabilidade e dever dos condutores em respeitar as placas de trânsito para evitar transtornos e acidentes.  

O CTB cita, ao longo do documento, diversos tipos de penalidades para infrações cometidas pela desobediência da sinalização. Podemos ver dois exemplos: 

  • Transitar pela contramão de direção em vias com sinalização e regulamentação de sentido único de circulação. Art.186, II. Infração gravíssima, multa de R$293,47;
  • Dirigir sem atenção ou sem os cuidados indispensáveis à segurança. Art.169. Infração leve, multa de R$88,38.

Além dos exemplos citados, há infrações por estacionamento irregular, limite de velocidade e etc. A gravidade das infrações varia conforme a relevância da falta. 

Quer manter seu veículo em dia?

Ou seja, as placas de trânsito são um aviso ao motorista sobre como se comportar e o que fazer em cada via de circulação para a preservação do bem comum. 

Pensando nisso, em 1997 foi criado o Dia Nacional do Trânsito para reforçar a conscientização dos motoristas quanto ao respeito às sinalizações e outros cuidados referentes à direção defensiva. 

Como pagar multa por desrespeitar as placas de trânsito

Motorista, sabemos que, na correria do dia a dia, mesmo com a consciência da importância das placas de trânsito, pode acontecer de alguma delas passar despercebida. 

E se você recebeu uma multa, o DOK pode te ajudar! 

Mantenha seu veículo em dia!

Com o DOK, você pode parcelar as multas em 12x, e em até seis cartões de crédito, ou pagar à vista utilizando boleto ou PIX. 

As formas de pagamento também valem para os débitos atrasados, IPVA e licenciamento do veículo. O melhor, é que você faz tudo isso online, sem se preocupar com filas e tempo disponível. 

Acesse o site do DOK Despachante, preencha o campo da página com a placa do veículo e o seu melhor e-mail e, em seguida, é só escolher a melhor condição de pagamento. 

Confusões comuns entre placas de regulamentação e advertência 

Ao estudar sobre as placas de trânsito, algumas podem ser confundidas, principalmente por quem está no processo de primeira habilitação. 

Mantenha seu veículo em dia!

Um caso comum é a placa de trânsito “Pare”, que aparece nas categorias de regulamentação e advertência. Mas, se a mensagem é a mesma, qual é a diferença entre elas? 

A resposta é simples quando nos atentamos à categoria da placa: a placa vermelha de regulamentação indica a ordem que o motorista deve parar naquele momento ou sinal. 

A placa “Pare” de advertência funciona como um aviso, indicando que mais à frente, será necessário fazer uma parada devido a condição da via, levando o motorista a reduzir a velocidade, por exemplo. 

Outra confusão acontece dentro da mesma categoria de regulamentação, em que existem três placas diferentes de estacionamento: R-6a, R-6b e R6c. 

Quer manter seu veículo em dia?

Diante da placa R-6a, é proibido parar ou estacionar na área indicada, ainda que seja por um curto período de tempo. Essa placa geralmente contém informações complementares sobre o início e o término da área com restrição. 

A placa R-6b indica uma restrição parcial de parada e estacionamento, em que é permitido utilizar da área para embarque e desembarque de passageiros, reposição ou descarga de mercadorias e paradas rápidas. 

A placa R-6c proíbe totalmente o condutor de parar e estacionar, mesmo para embarque e desembarque de passageiros. 

Conclusão  

Caro Motorista, o trânsito exige muita responsabilidade e atenção para fluir da melhor maneira possível. Por isso, as placas de trânsito são avisos tão importantes para saber como conduzir. 

Mantenha seu veículo em dia!

As placas são regulamentadas da mesma maneira em todo o Brasil, para que os motoristas tenham segurança para transitar em qualquer lugar. Além disso, o respeito às placas garante a prevenção de acidentes. 

São muitas placas de trânsito para memorizar, portanto, atente-se principalmente ao significado de cada categoria, cores e formatos para ter um entendimento melhor e foque naquelas que você considera mais difíceis. 

Dessa forma, é possível aprender sobre a maioria delas e tirar de letra o significado enquanto dirigir. 

E lembre-se: Nunca ignore uma sinalização! Assim, você preserva sua integridade, evita multas e colabora para o bem de todos. 

Mantenha seu veículo em dia!

TAGS: imagens de placa de trânsito/ todas as placas de trânsito/ placa de sinalização de trânsito/ placa de trânsito quadrada/ placas ctb. 


Perguntas frequentes sobre PLACAS DE TRÂNSITO 

Qual a importância das placas de trânsito?

A importância das placas está em alertar, informar e educar o motorista sobre as condições da via, proibições, restrições, destinos e serviços. Dessa forma, as placas ajudam a manter a fluidez do trânsito e segurança entre os condutores.

Qual a diferença entre placa de regulamentação e advertência?

As placas de regulamentação servem para orientações obrigatórias, proibições e restrições da via ou determinado local. As placas de advertência preveem o motorista sobre condições adversas ou perigosas da via e informam sobre sinalizações semafóricas e radares adiante.

Quais são os 3 tipos de placas de trânsito?

Os três principais tipos de placa de trânsito são as regulamentadoras, as de advertência e as de indicação. As placas de indicação dividem-se em placas de identificação, serviços auxiliares e atrativos turísticos. Além destas, existem ainda as placas temporárias que indicam obras na via. Ao total, elas somam sete categorias de placas de trânsito.

Quais são os nomes das placas de trânsito?

Os nomes das placas variam conforme a categoria. As placas de regulamentação são nomeadas com a letra “R”, as de advertência com a letra “A”, placas de serviços auxiliares têm a sigla SAU e as placas de atrativos turísticos têm a sigla “TNA”.

Qual é a cor da placa em que é permitido estacionar?

O estacionamento é permitido diante da placa azul “SAU-01” de serviços auxiliares, ou diante da placa de regulamentação R-6b, que indica o estacionamento normalizado, ou quando nela conter a informação complementar de “Permitido Estacionar”.



Posts relacionados