Comprar carros usados: guia prático e dicas essenciais

Por: Matheus Packs

Publicado em 19 de dezembro de 2023 | Atualizado em 26 de abril de 2024

Capa Artigo Comprar carros usados: confira as dicas essenciais | DOK

Salve, Motorista! Está pensando em comprar carros usados? Saiba que essa pode ser uma ótima escolha! No entanto, antes de comprar um seminovo, é fundamental ter um guia prático que ajude a tomar decisões seguras.

Neste artigo, vamos explorar dicas essenciais para a compra de carros usados, desde considerações importantes antes de fechar negócio até os modelos mais vendidos. Afinal, é muito importante saber se o carro dos sonhos tem multas, IPVA ou licenciamento atrasado.

Quer se aprofundar no assunto? Então, continue lendo e descubra tudo o que precisa saber antes de investir em um carro usado. O DOK está aqui para te auxiliar nessa tarefa!

Como comprar carros usados com segurança?

Adquirir um carro usado pode ser uma excelente escolha, mas é fundamental fazer isso com calma e planejamento, pensando sempre na sua segurança e bem-estar daqueles que também utilizarão o veículo, seja como motoristas ou passageiros.

Dica de ouro

Dessa forma, além de pesquisar o modelo de carro desejado e analisar o preço do usado na Tabela Fipe, também leve em conta o histórico de manutenção, examine a documentação e, se possível, faça um teste de condução, observando também a quilometragem do veículo.

Caso consiga fazer o teste de condução, preste atenção a sinais de desgaste, como pneus ou freios, e esteja atento a qualquer ruído incomum. Isso tudo pode te indicar que a compra do veículo poderá te causar uma série de problemas.

Vetor sobre como comprar carros usados com segurança | DOK
Vetor elaborado por Bruna Florentino | DOK

Qual quilometragem ideal para carros usados?

Motorista, a quilometragem de carros usados pode variar de acordo com diversos fatores, como o histórico de manutenção, o tipo de condução anterior e a marca ou modelo dos veículos.

Contudo, muitos especialistas consideram uma média de 12.000 a 15.000 quilômetros por ano, pois esse valor indica que o automóvel não estará tão desgastado.

Dica de ouro

Em geral, a tendência é que os veículos mais velhos apresentem uma quilometragem mais alta em relação aos novos. Por isso, esteja atento também ao ano de fabricação do carro de seu interesse.

O que a quilometragem do veículo pode indicar?

A quilometragem apresentada no veículo pode indicar diversas coisas. Por isso, preparamos um pequeno guia para você, o qual indica algumas situações. Confira a seguir:

Quilometragem baixa

Apesar de parecer e, muitas vezes, ser um bom indicador para a compra do veículo, um carro mais antigo com quilometragem mais baixa pode indicar períodos de inatividade prolongada, o que, por si só, pode levar a problemas mecânicos.

Apesar de não haver um número exato considerado “baixo”, muitos especialistas começam a considerar uma quilometragem inferior a 80.000 km como relativamente baixa. No entanto, uma quilometragem baixa por si só não garante a condição geral do veículo, conforme mencionado anteriormente.

Dica de ouro
Quilometragem alta

Uma quilometragem alta em um carro usado geralmente sugere que o veículo percorreu uma distância significativa ao longo de sua vida. Isso pode indicar um desgaste maior em componentes mecânicos, como motor, transmissão, suspensão e freios.

Embora não haja um número exato universal considerado “alto”, muitos especialistas começam a considerar uma quilometragem superior a 150.000 km como um indicativo de uso extensivo.


Saiba mais dicas

Ei, Motorista! Se você chegou até aqui, achamos que também vai precisar saber disso. Confira:


Tabela Fipe carros usados: para que serve?

A Tabela Fipe é uma referência importante para quem está envolvido no universo dos carros usados, seja para vender ou comprar. Isso porque a ferramenta fornece valores médios de mercado para veículos, sendo utilizada para a precificação de carros usados no Brasil.

Dica para evitar problemas

Em resumo, essa tabela serve como um guia para compradores e vendedores, proporcionando uma base objetiva para negociar preços justos de veículos em território nacional. Isso porque os valores apresentados são calculados com base em uma média de mercado, levando em consideração diversos fatores, como:

  • Modelo;
  • Ano de fabricação;
  • Estado de conservação do automotor.

Onde vender carros usados?

Quando se trata de vender carros usados, existem diversas opções, tanto presenciais quanto online. As escolhas dependerão das suas preferências. Para facilitar, separamos algumas opções:

  • Concessionárias e revendedoras: muitas concessionárias aceitam carros usados como parte do pagamento ou para revenda. Isso pode ser uma boa opção, especialmente se estiver adquirindo um novo veículo e desejar usá-lo como entrada.
  • Venda direta: vender diretamente a um comprador particular é uma opção comum. Plataformas online e classificados em jornais locais também são ótimas maneiras de encontrar interessados.
  • Plataformas online: websites especializados em compra e venda de carros usados, como OLX, Mercado Livre e Webmotors, oferecem alta visibilidade para seu veículo. Em resumo, essas plataformas conectam vendedores a potenciais compradores de forma eficiente.
  • Feiras e eventos de carros usados: em algumas localidades, eventos específicos para venda de carros usados podem ser uma opção presencial interessante. Esses encontros reúnem compradores e vendedores em um só local.
Infográfico sobre onde vender carros usados | DOK
Vetor elaborado por Bruna Florentino | DOK

PcD pode comprar carro usado com desconto?

As Pessoas com Deficiência (PcD) podem, sim, comprar carros usados com desconto, pois o abatimento no preço do veículo é estabelecido por lei, com isenção do Imposto sobre Operações Financeiras (IOF). Para isso, é necessário fazer a solicitação diretamente no site da Secretaria da Fazenda e Planejamento (Sefaz).

Conclusão

Motorista, como você pôde notar, antes de comprar carros usados, é importante fazer uma boa pesquisa. Considere seu orçamento, objetivos e os modelos que mais te interessam.

Dica para evitar problemas

Dessa forma, recomendamos que olhe além da aparência do veículo. Avalie o histórico de manutenção, faça um teste de condução e confira a documentação do veículo, verificando se não há licenciamento atrasado, por exemplo.

Além disso, consulte sempre a Tabela Fipe e escolha onde comprar. Concessionárias, plataformas online e até feiras de carros usados oferecem diferentes opções. Encontre aquela que mais se encaixa às suas necessidades.

Gostou do conteúdo? Conheça o nosso blog, temos muitos outros artigos para tirar todas as suas dúvidas! Também confira as nossas redes sociais, estamos no Instagram, Facebook, YouTube, TikTok e LinkedIn. Acesse também o site do DOK Despachante.

Tags: assinatura de carros usados, financiamento de carros usados, mei tem desconto na compra de carros usados

Dica para evitar problemas

Perguntas frequentes sobre carros usados

Quais carros usados valem a pena comprar em 2023?

A escolha de carros usados que valem a pena comprar em 2023 depende de diversos fatores, como suas necessidades, orçamento e preferências.

Qual a melhor marca de carros usados?

A escolha da melhor marca dependerá das preferências do proprietário, do histórico de manutenção dos veículos e da reputação da marca no mercado de carros usados.

Qual carro usado tem a manutenção mais barata?

Os custos de manutenção podem variar com base no modelo, ano e condição do veículo.



Posts relacionados