BR-381: tudo sobre a Rodovia Fernão Dias

Por: Matheus Packs

Publicado em 29 de fevereiro de 2024 | Atualizado em 15 de março de 2024

Capa Artigo BR-381 tudo sobre a Rodovia Fernão Dias | DOK

Salve, Motorista! Que tal conhecer um pouco mais sobre a BR-381? Conhecida como a “rodovia da morte”, essa via que liga São Paulo a Minas Gerais, é fundamental para o escoamento da produção industrial e agrícola do país, além de ser um importante corredor logístico para o Mercosul.

Pensando nisso, separamos os principais detalhes sobre essa importante estrada. Assim, você poderá entender as cidades por onde a BR-381 passa, além de conferir curiosidades históricas e dicas de viagem. Boa leitura!

BR-381: nome, história e origem

A rodovia recebeu o nome de Fernão Dias em homenagem ao bandeirante Fernão Dias Pais Leme, que desbravou o interior do Brasil no século XVII.

Em 1674, Fernão Dias liderou a maior expedição bandeirante da história, com o objetivo de encontrar esmeraldas. A expedição durou três anos e percorreu mais de 5 mil quilômetros.

Já tem o próximo destino

Embora não tenha encontrado as esmeraldas, Fernão Dias contribuiu para o conhecimento do interior do Brasil e para a abertura de novas rotas comerciais.

Por que a BR-381 é conhecida como rodovia da morte?

Infelizmente, a BR-381 também é conhecida como a “rodovia da morte” devido ao alto índice de acidentes em alguns trechos.

Em 2022, por exemplo, foram registrados 500 óbitos na via. Dessa forma, é importante ter atenção redobrada ao dirigir por lá, respeitando a sinalização e os limites de velocidade.

Quantos km de extensão tem a BR-381?

A BR-381 tem 562,1 quilômetros de extensão, cortando diversos municípios importantes, como Guarulhos, São José dos Campos, Pouso Alegre e Belo Horizonte. 

Viajar é bom

Então, se você está planejando uma viagem, vale a pena saber as cidades que ficam ao longo da rodovia e incluir alguma parada no seu roteiro.

Rodovia Fernão Dias: onde começa e onde termina?

A Fernão Dias começa em São Paulo, no km 90, na Marginal Tietê, próximo ao bairro de Santana. O término da via é em Contagem, na região metropolitana de Belo Horizonte, no km 477, próximo ao bairro Eldorado.

Cidades

A Fernão Dias passa por diversas cidades importantes, como:

  • São Paulo: Guarulhos, Atibaia, Mairiporã;
  • Minas Gerais: Extrema, Itapeva, Camanducaia, Cambuí, Estiva, Pouso Alegre, São Sebastião da Bela Vista, Careaçu, Betim, Contagem.

Trechos turísticos

A rodovia Fernão Dias oferece diversos pontos turísticos para os viajantes, como:

Já tem o próximo destino
  • Serra da Mantiqueira.
  • Parque Estadual do Ibitipoca;
  • Cidades históricas, incluindo São João del Rei, Tiradentes, Congonhas e Ouro Preto.
  • Museu de Arte Contemporânea de Inhotim e Museu do Automóvel de São Paulo.
Infográfico sobre trechos turísticos da BR-381 | DOK
Infográfico elaborado por Bruna Florentino | DOK

BR-381 Mapa

Quer conhecer a BR-381 por completo? Então, utilize o mapa abaixo para conferir todos os locais em que a rodovia passa:


Saiba mais sobre viagens

Ei, Motorista! Se você chegou até aqui, achamos que também vai precisar saber disso. Confira: 


BR-381: condições da via

A BR-381 está em constante processo de melhorias, mas ainda há muitos trechos que precisam de atenção. A pista está em boas condições em geral, mas há alguns pontos com buracos e rachaduras. 

A sinalização é adequada na maior parte da rodovia, mas pode haver falhas em alguns pontos, como falta de placas ou má visibilidade. Portanto, preste atenção redobrada em áreas com curvas sinuosas ou cruzamentos.

Viajar é bom

BR-381 duplicação: entenda a obra

Para melhorar a segurança e a fluidez do tráfego, a BR-381 está passando por um processo de duplicação, iniciado em 2010. 

A obra ainda não tem previsão de término, mas a expectativa é que essa ação proporcione mais segurança para os motoristas e mais fluidez ao trânsito, por meio da construção de novos viadutos, pontes e túneis.

Benefícios da duplicação da BR-381

  • Maior segurança: a duplicação da rodovia eliminará os trechos com pista simples, reduzindo o risco de acidentes, especialmente, colisões frontais;
  • Fluidez do tráfego: a obra de duplicação da rodovia aumentará a capacidade da via, reduzindo o congestionamento e o tempo de viagem;
  • Economia: essa duplicação reduzirá os custos de transporte ao diminuir o tempo de deslocamento;
  • Desenvolvimento regional: a duplicação da rodovia também impulsionará o desenvolvimento das cidades ao longo da via.

Como é o trânsito na BR-381?

O trânsito na BR-381 pode variar consideravelmente, sendo influenciado por diversos fatores, como condições climáticas, horário do dia e eventos na região.

A circulação de veículos costuma ser mais intensa nos horários de pico, principalmente nas entradas e saídas de grandes cidades, como São Paulo, Guarulhos, Belo Horizonte e Contagem.

Já tem o próximo destino

O trânsito também costuma ser mais intenso nos finais de semana e feriados, quando há maior fluxo de veículos nas rodovias.

Além disso, as obras de duplicação e manutenção podem causar lentidão e congestionamentos em alguns trechos da rodovia.

Há pedágio na BR-381?

Sim, a BR-381 possui pedágios administrados pela concessionária Arteris Fernão Dias em diversos trechos. As tarifas variam de acordo com o tipo de veículo e o trecho percorrido. Veja alguns exemplos a seguir:

Tipo de veículoTarifa
MotocicletasR$ 1,45
Carros de passeioR$ 2,90
CaminhõesR$ 5,80 a R$ 29,00 (varia de acordo com o número de eixos)
ÔnibusR$ 4,35 a R$ 21,75 (varia de acordo com o número de eixos)

BR-381: dicas de viagem

Para garantir uma viagem segura e tranquila na BR-381, respeite os limites de velocidade da via. Para isso, preste atenção à sinalização.

Viajar é bom

Esteja preparado para enfrentar condições adversas, como chuva forte, neblina e serra. Nesse caso, redobre a atenção e reduza a velocidade.

Antes de viajar, lembre também de verificar a situação do veículo com uma consulta de débitos, que pode ser feita de forma gratuita no site do DOK Despachante

A verificação dos débitos veiculares é extremamente importante para evitar problemas relacionados ao atraso no pagamento das taxas, incluindo multas e até mesmo apreensão do veículo.

Conclusão

Motorista, como você pôde ver, a BR-381 é um corredor de transporte entre dois dos maiores centros urbanos do Brasil: São Paulo e Belo Horizonte.

Já tem o próximo destino

Apesar dos desafios enfrentados, como o alto índice de acidentes em alguns trechos, a rodovia está passando por melhorias constantes, incluindo o processo de duplicação iniciado em 2010.

Portanto, ao planejar uma viagem pela BR-381, é essencial estar ciente das condições da rodovia, respeitar a sinalização e adotar medidas de segurança no trânsito. 

Gostou do conteúdo? Conheça o nosso blog, temos muitos outros artigos para tirar todas as suas dúvidas! Também confira as nossas redes sociais, estamos no Instagram, Facebook, YouTube, TikTok e LinkedIn.  Acesse também o site do DOK.

Tags: trafego fernão dias, pedagio fernao dias, br 381 fernao dias, rodovia fernão dias sentido são paulo

Viajar é bom

Perguntas frequentes sobre a BR-381

Qual é o nome da rodovia 381?

A BR-381 também é conhecida como Rodovia Fernão Dias.

Quais cidades passa a BR-381?

A BR-381 corta diversos municípios importantes, incluindo São Paulo, Guarulhos, Atibaia, Mairiporã, Extrema, Itapeva, Camanducaia, Cambuí, Estiva, Pouso Alegre, São Sebastião da Bela Vista, Betim e Contagem.

Onde começa e onde termina a BR-381?

Começa em São Paulo, no km 90 da Marginal Tietê, e termina em Contagem, na região metropolitana de Belo Horizonte, no km 477.



Posts relacionados