Categoria C da CNH

Por: Redator

Publicado em 23 de dezembro de 2019 | Atualizado em 13 de janeiro de 2021

categoria c

Você sabe para que serve e CNH de categoria C? Não? Não se preocupe, explicaremos no artigo de hoje! Para se dirigir um veículo automotivo no Brasil é necessário que o indivíduo tenha em sua posse uma Carteira Nacional de Habilitação, CNH.

Há, entretanto, diversos tipos de categorias de CNH, pois para cada tipo de veículo são exigidas habilidades e destrezas diversas, sendo que as únicas exigências comuns de cada forma de habilitação são a exigência de realização de aulas prévias relacionadas à direção e de exames junto ao DETRAN.

A idade para se obter a habilitação para conduzir veículos também varia com base na categoria dos veículos. A idade mínima parte de 18 anos, porém algumas categorias, como o caso da C e D são exigidas idades mais avançadas.

Estes dados são importantes a serem observados por qualquer um que tenha desejo de ser habilitado para pilotar um veículo de carga, como é o caso da Categoria C da CNH.

A seguir iremos conhecer cada um dos tipos de CNH, bem como a forma que a Categoria C de CNH se distingue das demais, os requisitos para obtê-la e outras informações importantes.

Categorias de CNH

Categoria A

A Categoria A de CHN é destinada aos condutores de veículos que possuam de duas a três rodas, a exemplo de motocicletas e triciclos, com ou sem carroceria lateral.

Para se habilitar basta que a pessoa seja plenamente capaz, tenha no mínimo 18 anos e realize aulas de direção, além de realizar os testes necessários.

Categoria CNH tipo B

Esta categoria é, sem sombra de dúvidas, a mais comum, pois inclui os veículos de passeio. Os veículos abrangidos por esta categoria são aqueles de peso não superior a 3,5 toneladas e que tenham em seu interior lugares para até 8 passageiros.

Note-se que a habilitação na categoria B não torna o indivíduo habilitado na categoria A, cuja habilitação necessita de procedimento à parte, embora as exigências para se habilitar em ambas sejam as mesmas.

Pularemos diretamente para a categoria de CNH tipo D, pois a categoria C será trabalhada de maneira à parte.

Categoria CNH tipo D

A categoria de CNH tipo D inclui os veículos que se destinam ao transporte de passageiros cujo número supere 8 pessoas sem incluir o motorista. Os exemplos mais comuns são os ônibus, micro-ônibus e vans.

Esta categoria só é permitida aos maiores de 21 anos que tenham ao menos 2 anos de habilitação na categoria B ou 1 ano de habilitação na categoria C. Além disto, condutores que tiverem incorrido em infrações do tipo grave ou gravíssima neste tempo anterior em cada tipo de habilitação estarão coibidos de se habilitar na categoria D.

Categoria CNH tipo E

Carretas e grandes veículos de carga são os veículos abrangidos pela categoria de CNH tipo E. Este tipo de veículo é muito utilizado para a realização do escoamento de produção agrícola e outras mercadorias transportadas de ponta a ponta do país.

Outra característica inerente a estes veículos é o peso superior a 6 toneladas e à existência de um veículo acoplado ao principal, que pode ser das categorias anteriores.

Dentre as exigências específicas desta categoria estão a idade mínima de 21 anos somada à existência de habilitação na categoria C por no mínimo 1 ano e a inexistência de infrações do tipo grave ou gravíssima neste período e de reincidência em infrações do tipo médio.

CNH Especial

A CNH especial, por fim, inclui os indivíduos condutores que possuem algum tipo de deficiência cuja condição física especial deve ser comprovada, assim como o motorista deve ter idade mínima de 18 anos e realizar exames médicos diferenciados.

Categoria CNH tipo C

Bom, tendo conhecido previamente as demais categorias da CNH, estamos preparados para conhecer o tipo C, cuja importância é visível ante a sua necessidade para o alcance, inclusive, de outras categorias de CNH.

A primeira coisa a se saber quanto esta espécie de CNH é que ela abrange aqueles veículos de carga cujo peso não ultrapasse 3,5 toneladas. Ainda, é possível se acoplar ao veículo principal um reboque de carga desde que o peso do veículo principal somado ao reboque não ultrapasse 6 toneladas.

Assim, a principal diferença entre o tipo C e E das categorias de CNH é o peso do veículo, pois aquele suporta os motorizados de até 6 toneladas e este aqueles que ultrapassem 6 toneladas.

Os veículos mais comuns da categoria de CNH C são os tratores mistos ou de esteira, assim como aqueles veículos especialmente destinados ao transporte de cargas agrícolas e à construção civil.

Os motoristas que desejem se habilitar nas categorias D ou E de habilitação devem prestar atenção às exigências à habilitação da categoria C.

Caso o condutor já tenha se habilitado na categoria de CNH tipo C há um ano sem a realização de penas graves ou gravíssimas já está apto para realizar os testes necessários para que se habilite nas categorias de CNH D ou E.

Mas quais são as exigências necessárias para que o indivíduo se habilite na categoria C?

São eles:

·      Habilitação há pelo menos um ano na categoria tipo B;

·      Inexistir, para o mesmo período do item anterior, registro de infrações graves ou gravíssimas;

·      Ausência de reincidência em infração do tipo médio no mesmo período dos itens anteriores;

·      Idade mínima de 19 anos;

A seguir veremos como um condutor habilitado na categoria B da CNH pode iniciar o procedimento de mudança para a categoria do tipo C.

Como mudar para a categoria C de CNH

Primeiramente, além da habilitação há ao menos um ano na categoria B de CNH, o condutor deverá realizar as aulas práticas e teóricas disponibilizadas por auto-escolas e as provas de conhecimento, bem como novo exame psicotécnico e, claro, pagamento das taxas referentes à emissão documental.

Outra exigência muito importante é a necessidade de realização de exame toxicológico de larga janela.

Este exame é capaz de detectar a ingestão de substâncias tóxicas num período de até 90 dias anteriores ao teste. Embora geralmente utilize amostras de cabelos, também pode ser feito por análise de material coletado nas unhas do condutor. A importância do teste é a de procurar garantir a segurança não só do motorista, mas dos demais transeuntes e condutores de outros veículos.

A renovação da categoria C da CNH deverá ser realizada a cada cinco anos, quando também serão exigidos testes de comprovação de sanidade físico-mental e novo exame toxicológico.

Além disto, cabe ao condutor garantir que o veículo esteja devidamente licenciado e corretamente emplacado.

Ainda tem dúvidas? Não sei preocupe! O DOK despachante está disponível de modo totalmente online para lhe auxiliar com suas dúvidas e necessidades quanto às multas, licenciamento e emplacamento do veículo.

Navegue pela matéria utilizando o índice abaixo:



Posts relacionados