Imagem IPVA São Paulo

Seu IPVA pode aumentar
em até 4x e virar uma dívida ativa.

Documentação

A importância de checar a documentação do veículo antes de vendê-lo

Imagem Principal Post
Imagem Autor

Por DOK Despachante
Redator DOK Despachante.
Publicado em 31/03/2017 | Atualizado em 19/06/2019


Inúmeros brasileiros pretendem comprar um veículo independentemente dele ser novo ou seminovo. Mas para evitar qualquer tipo de problema é preciso prestar atenção a vários detalhes após definir qual o modelo que será comprado. Além de conferir a aparência do mesmo e a mecânica, os documentos do veículo precisam ser analisados de forma muito especial para não ter dores de cabeça após a compra.

O que fazer com a documentação do carro zero quilômetro

Os consumidores que optarem por comprar um carro zero quilômetro direto da concessionaria deve fazer o registro do mesmo na base de dados do Detran. Somente assim é que o Detran emite o Certificado de Registro de Veículo, o CRV. Este registro é que permite que o veículo seja emplacado e também a concessão do CRLV, o Certificado e Licenciamento do Veículo que é um documento de porte obrigatório.

Documentação de veículos novos ou seminovos

Quando o consumidor opta por adquirir um veículo novo ou seminovo, é necessário dar uma conferida no número do chassi que está estampado no documento e que está presente no veículo.

Anuncio Despachante DOK

A sequencia que é composta por letras e números fica espalhada em diversos cantos do veículo como nas portas, nos vidros, em seu interior e inclusive no cofre do motor. É importante que ela esteja legível, alinhada e que o espaçamento entre os caracteres seja regular.

Mas além da numeração do chassi é importantíssimo verificar a numeração que está presente no próprio motor, pois ele também consta no documento do veículo. Se a numeração não seja exatamente a mesma ou esteja danificada ou raspada, isso quer dizer que houve uma troca da peça. No entanto, se mesmo após a verificação dessa discordância o consumidor optar por comprar o veículo ele precisa pedir que o vendedor regularize a situação no Detran antes de adquiri-lo.

Outra dica muito importante é fazer a verificação da numeração das placas, se as letras são as mesmas que constam no documento e se estão legíveis. Também é importantíssimo verificar o lacre, se ele está ou não rompido. Ao verificar a placa é possível visualizar que em sua parte lateral há uma data que é impressa, ela indica quando que ela foi confeccionada. Caso a data de confecção da placa não seja a mesma do ano de fabricação do veículo é preciso pedir ao vendedor uma explicação.